Dicas financeiras atualizadas

Empréstimo Caixa até 100 Mil Reais – Como Conseguir? Qualquer Pessoa Pode?

Conseguir valores elevados para empréstimos pode ser uma tarefa complicada, devido ao fato de a maioria das empresas exigirem uma grande quantidade de garantias. Por isso, conhecer bem o mercado é uma saída interessante. Por exemplo, você sabia que existe o empréstimo Caixa até 100 mil reais, e que é possível você contratá-lo?

Contudo, não é só chegar na Caixa Econômica Federal e falar que quer o valor. É necessário provar que você tem condições de devolver o dinheiro depois. Assim, algumas garantias são exigidas, mas são menores do que a pedida por bancos concorrentes.

O empréstimo Caixa até 100 mil reais é uma excelente alternativa, para as mais diversas pessoas. Afinal, com esse valor é possível adquirir uma grande quantidade de coisas, ou algo de alto valor. No entanto, é importante fazer um empréstimo com consciência que depois você terá que pagá-lo.

Para uma melhor compreensão sobre o empréstimo Caixa até 100 mil reais, decidimos redigir esse texto lhe explicando as peculiaridades dele e como você pode obtê-lo.

Como funciona o Empréstimo Caixa de até 100 mil?

Em suma, o empréstimo Caixa até 100 mil reais vai funcionar de maneira bem simples você oferecerá ao banco uma garantia que será o penhor de algo ou o seu FGTS. E assim poderá obter o valor. A grande vantagem dessa modalidade será a facilidade para as pessoas com o nome negativado.

Após, todos os trâmites burocráticos serem assinados e acertados você poderá pegar o valor, e pagará conforme foi acordado no contrato. O padrão desse tipo de negócio é oferecer emprestados valores menores do que o item vale ou o valor que você deu como garantia. Para assim evitar qualquer prejuízo.

Qualquer pessoa poderá pegar o empréstimo Caixa de 100 mil?

Essa modalidade de empréstimo é destinada para pessoas que possuem o nome negativado. Pois, são poucas as empresas que disponibilizam empréstimos para pessoas que estão nessa situação. E por isso, muitas delas acabam passando por muitas dificuldades, devido ao difícil acesso às instituições financeiras.

Essa modalidade de empréstimo acontecerá sem consulta ao SPC e Serasa, permitindo aos inadimplentes terem acesso ao crédito disponibilizado pela Caixa Econômica Federal. Claro, a Caixa não vai liberar o crédito sem garantia, o banco vai aceitar como garantia a penhora de bens e o FGTS.

Na sequência, vamos explicar melhor como vão funcionar esses dois tipos de garantias que você poderá oferecer, para conseguir obter um empréstimo Caixa até 100 mil reais. E poder assim realizar os seus sonhos.

Empréstimo com penhor

A modalidade penhor é bastante simples, nela você dá como garantia um item, e o banco faz a penhora do bem de valor equivalente ao valor que você pega emprestado. Sendo esse um método bastante antigo de empréstimo e usado por muito tempo na nossa sociedade.

No Brasil, esse é um dos métodos mais acessíveis de se conseguir um empréstimo, podemos dizer isso pelo alto índice de aprovação. Contudo, o valor do empréstimo por esse método é calculado com base em 85% do valor de mercado do item penhorado.

O banco aceita diversas coisas como penhor, por exemplo:

  • Joias em ouro de no mínimo 12 quilates;
  • Metais nobres;
  • Relógios;
  • Pérolas;
  • Casas.

Caso o dono do item não pague a parcela, é gerada mais inadimplência para o cliente, e o penhor é leiloado visando ressarcir o banco. Essa é uma prática bem comum no Brasil, no entanto, a inadimplência em relação a ela também é relevante, o que faz os bancos oferecerem menores valores do que os itens realmente valem.

Garantia de pagamento via FGTS

FGTS ou Fundo de Garantia do Tempo de Serviço é algo que também pode ser utilizado como garantia de um pagamento de empréstimo. Fica ainda mais simples o negócio devido a Caixa Econômica Federal, ser a empresa gestora do FGTS.

Contudo, caso você não pague as parcelas do empréstimo, as parcelas são retiradas diretamente do FGTS que foi dado como garantia do negócio. Infelizmente, neste método somente é concedido 10% do valor do saldo disponível na conta do fundo e de 40% da multa quando se é demitido sem justa causa.

No entanto, para se fazer esse método de empréstimo é necessário a sua empresa ter aderido a esse serviço, então você deve entrar em contato com o Departamento Pessoal ou os Recursos humanos da sua empresa, para mais informações.

Quanto tempo tenho para pagar o Empréstimo Caixa?

Por fim, não foi revelado qual o tempo máximo disponível para se realizar o pagamento dos empréstimos. Contudo, acreditamos que o tempo deve variar bastante conforme o valor emprestado que você for requisitar. Então quanto mais alto o valor do empréstimo pego, mais tempo você terá para realizar o pagamento.

Entretanto, realizar pagamento em muitas parcelas acaba sendo penoso devido aos juros que acabam sendo cobrados pelas empresas. Então tenha cuidado ao pegar o empréstimo Caixa até 100 mil reais.

Comentários estão fechados.