Empréstimo para Negativados Banco do Brasil – Como Solicitar?

Para muitas pessoas obter um empréstimo é questão de sobrevivência. O empréstimo para negativados Banco do Brasil, por exemplo, é um tipo de crédito pouco oferecido no mercado, mas que possui alta demanda. Quer saber como ele funciona e quem pode ter acesso? Contaremos tudo a seguir!

Então, como acreditamos que muitas pessoas irão se interessar por esse modelo de empréstimo, decidimos trazer todas as informações úteis sobre ele para você. Visto que existem muitos brasileiros que estão negativados, a procura por esse empréstimo deve ser bastante alta. Afinal, não é toda hora que lançam um empréstimo para negativados no BB.

Mas, agora vamos partir para as explicações técnicas sobre esse excelente crédito oferecido no mercado há não muito tempo. Mas, que deve conquistar uma boa quantidade de clientes em pouco tempo. Pois, o empréstimo para negativados Banco do Brasil é um excelente negócio para muitos.

Empréstimo para negativados Banco do Brasil

As pessoas que estão negativadas no SPC e Serasa recentemente receberam uma nova oportunidade de obter empréstimos com juros mais em conta no Banco do Brasil. Essa situação pode ser muito positiva visto que irá fazer com que mais dinheiro circule em nosso mercado interno.

É válido observar que aproximadamente 40% dos brasileiros economicamente ativos possuem o seu nome registrado em birôs de proteção ao crédito. Então essa iniciativa do empréstimo para negativados Banco do Brasil vai ser uma boa opção, que vai permitir essas pessoas pagarem suas dívidas, por exemplo.

Boa parte das instituições financeiras não concedem empréstimos a pessoas que possuem restrições em seu CPF, contudo, o Banco do Brasil pode estar mudando a situação. Pois, irá oferecer crédito a pessoas que não estão estáveis financeiramente.

Requisitos do empréstimo para negativados Banco do Brasil

O empréstimo para negativados Banco do Brasil é pela modalidade consignado. Ou seja, o pagamento das parcelas é descontado diretamente da folha de pagamento ou do benefício da aposentadoria do contratante. Tornando assim o negócio mais seguro para o banco.

Por mais que isso torne o negócio mais complicado de se conseguir, é uma alternativa interessante, porque você tem mais facilidade na hora de contratar o empréstimo. Além de obter excelentes taxas, sendo uma das menores taxas de juros do mercado brasileiro.

Para que você possa contratar o empréstimo para negativados BB é necessário que você cumpra com certo requisitos mínimos, que são os seguintes:

  • Possuir 18 anos ou mais;
  • Possuir uma conta corrente, podendo ser em qualquer banco;
  • O empregador deve possuir convênio ativo com o BB, você pode verificar isso junto ao setor de RH da sua empresa;
  • É preciso comprovar possuir renda mensal fixa que cubra a margem consignável, ou seja, que o solicitante pode pagar uma porcentagem máxima do seu salário de prestação do empréstimo;
  • Possuir margem consignável disponível junto ao empregador;
  • É necessário ter limite de crédito disponível no banco, ou seja, o consumidor não pode ficar devendo para o Banco do Brasil.

Tendo cumprido todos esses requisitos é permitido que você pegue um empréstimo para negativados Banco do Brasil de maneira rápida e simples. Obviamente se você já possuir conta no BB e não tiver tido problemas com ele o processo será ainda mais facilitado, afinal todo banco gosta de um bom cliente.

Como solicitar empréstimo Banco do Brasil?

Para solicitar o empréstimo para negativados BB é necessário que você compareça até um agência do Banco do Brasil. Deve-se levar uma série de documentos que comprovem a sua situação como:

  • RG;
  • CPF;
  • Últimos contracheques;
  • Comprovante de residência.

No entanto, também é possível realizar a solicitação do empréstimo para negativados Banco do Brasil pela internet. Para isso você deve acessar a página do Banco do Brasil e preencher um cadastro contendo diversas informações pessoais, mas caso não se sinta seguro para fazer isso é melhor ir presencialmente a uma unidade do BB.

Quem pode fazer o empréstimo para negativado BB?

O empréstimo consignado é um pouco exclusivo, pois impede que qualquer pessoa consiga solicitá-lo. Uma vez que é necessário estar em certa situação para ter direito a ele. Normalmente esse tipo de empréstimo é voltado somente para pessoas que são aposentadas, pensionistas do INSS, e servidores públicos. Pois, como os salários são pagos pelo governo existe uma maior segurança.

Contudo, o Banco do Brasil permite que seja solicitado o empréstimo para negativados BB, por mais indivíduos. Que no caso são pessoas que trabalham em empresas que possuem algum convênio com o banco. Infelizmente, nenhuma empresa é obrigada a ter convênio com uma instituição financeira. Contudo, caso a sua empresa possua, você pode solicitar esse empréstimo.

Quanto tempo tem para pagar o empréstimo BB?

O empréstimo para negativados BB é excelente para as pessoas que conseguem solicitar o mesmo. Como ele é pouco exclusivo por ser do tipo consignado quem consegue obtê-lo, tem muitas facilidades com o seu pagamento, visto que ele oferece muita garantia ao banco.

Dentre as vantagens de pegar esse empréstimo está a forma de pagamento, que é bastante flexível. Permitindo até mesmo 180 dias de carência que equivale a 6 meses. E mesmo com todas essas vantagens você nem mesmo precisa ser correntista do Banco do Brasil para obtê-lo.

Quanto ao pagamento ele pode ser parcelado em até 96 meses tornando o pagamento muito mais fácil. Contudo, dependendo do valor pode ser que esse prazo varie, mas isso você verá quando for a uma agência solicitar o empréstimo.

Como funcionam os juros do empréstimo para negativados BB?

Quando você for contratar o empréstimo para negativados Banco do Brasil é importante prestar atenção nos juros oferecidos eles podem variar um pouco conforme a sua situação. O empréstimo consignado para pessoas que não estão negativadas giram entre 1,77% e 1,94% ao mês.

Enquanto isso para as pessoas que possuem seu nome com restrição em órgãos como SPC e Serasa a cobrança é um pouco mais elevada. Com juros que giram em torno de 2,5% a 3,5% ao mês. Uma maneira de tornar esses juros um pouco menos pesados é realizar a portabilidade do seu salário para o Banco do Brasil.