Dicas financeiras atualizadas

Leite está mais barato no Brasil? Entenda o que aconteceu

Veja aqui porque o aumento excessivo deste produto e porque o leite está mais barato no Brasil atualmente. 

O ano foi marcado pelos aumentos sucessivos no preço do leite, superando 60% em um ano e se tornou o vilão da inflação dos alimentos. No entanto, agora o leite está mais barato que nos últimos dias, conforme as análises do Centro de Inteligência do Leite da Embrapa.

- Publicidade -

Segundo os dados do centro, o aumento do preço do leite finalmente chegou ao fim. Que tal entender o motivo do aumento e a causa dessa diminuição? Então, continue a leitura deste post.

Veja aqui porque o aumento excessivo deste produto e porque o leite está mais barato no Brasil atualmente. 
Veja aqui porque o aumento excessivo deste produto e porque o leite está mais barato no Brasil atualmente.

Por que o preço do leite subiu tanto no Brasil?

Vários foram os fatores que fizeram com que o preço do leite e seus derivados subisse, entre eles a queda na oferta do produto. Isso porque o período de entressafra, que ocorre entre o outono e o inverno, produz menos pasto para o rebanho, fazendo com que a produção diminua.

- Publicidade -

Este fator somado a outros motivos como o elevado custo de produção e a deterioração da rentabilidade das fazendas causou um aumento grande no preço do leite no país. Por exemplo, a guerra no Leste Europeu, o incremento no preço de fertilizante e combustíveis também pressionaram os custos de produção do leite.

Veja também: Por que vale a pena comprar dólar; confira 8 bons motivos

O leite está mais barato no país e vai continuar assim?

Agora, com a chegada da primavera e com ela, o período de chuvas, a produção do campo aumenta. Deste modo, já se pode observar nas prateleiras que o preço do leite diminui, registrando uma queda de 37,6% no preço praticado em agosto, fechando a quinzena a R$2,83 o litro de leite.

- Publicidade -

Outro ponto que contribuiu para a diminuição do produto foram as importações, que atingiram 172 milhões de litros em agosto. Somados a isso, temos ainda o poder de compra dos salários que fez com que menos pessoas procurassem comprar o produto de fato.

Veja também: Aprenda como calcular seus investimentos e saber quanto terá no futuro

Cenário mundial

No país, os índices da economia estão sendo revisados para cima. Conforme previsão do Banco Central houve um crescimento em 12022 próximo de 2,5%, com a taxa do desemprego em queda, atingindo 9,2%, o menor nível desde 2016.

- Publicidade -

Por conta da recuperação do setor de serviços e pela melhoria dos investimentos, o país apresentou taxas positivas nesses aspectos. Contudo, o cenário global ainda preocupa.

Os efeitos da guerra da Ucrânia provocam inflação e crise energética em várias partes do mundo. Deste modo, a Europa e os Estados Unidos poderão entrar em recessão no final deste ano.

Comentários estão fechados.