Pronampe Empréstimo – O que é? Como solicitar?

Você já ouviu falar em Pronampe Empréstimo? Essa é uma linha de crédito destinada aos empreendedores brasileiros, sendo que o dinheiro pode ser usado de variadas maneiras. Enfim, o programa é destinado as microempresas e pequenas empresas, conforme o faturamento anual de 2019.

Se você é empreendedor e está passando por problemas financeiros no seu negócio, essa pode ser a melhor oportunidade para solucionar a questão. Mas, é preciso ter pressa, já que a solicitação do crédito pode ser feita no máximo até novembro.

Hoje você vai conhecer todos os detalhes sobre o Pronampe, descobrindo como é que esse programa funciona. Além disso, explicaremos como fazer a solicitação do crédito nos principais bancos do nosso país. Quer saber mais sobre o assunto? É só continuar lendo.

O que é Pronampe?

Este é o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, conhecido pela sigla Pronampe. De fato, o objetivo é o desenvolvimento de pequenos negócios por meio de acesso facilitado ao crédito. Como o nome já diz, é voltado para micro e pequenas empresas.

As microempresas são aquelas que faturam até R$ 360 mil por ano, enquanto as de pequeno porte recebem até R$ 4,8 milhões anuais. Entretanto, o Pronampe não entrega recursos diretamente para os empreendedores. Ele funciona como uma garantia na solicitação de empréstimos, diminuindo os ricos ao fazer a solicitação de dinheiro junto a algum banco.

Essa linha de crédito entrega até 30% da receita bruta anual da empresa em 2019 como forma de empréstimo. Mas, para empresas com menos de um ano de funcionamento, então o limite é de até 50% do capital social ou 30% da média do faturamento mensal até aqui.

A taxa de juros máxima para este programa é de 1,25% ao ano, mais a taxa Selic. Além disso, os empreendedores se comprometem a quitar as parcelas em até 36 meses, prazo que inclui o limite de 8 meses de carência.

Pronampe como solicitar?

Em primeiro lugar, o dinheiro obtido por meio do Pronampe é possível ser usado para a compra de máquinas ou para a realização de obras na empresa. Além disso, o crédito pode ser usado para o pagamento de despesas operacionais, como o pagamento da folha salarial, de contas extras ou a compra de matéria-prima.

Uma das exigências para esse tipo de negócio é que as empresas não realizem demissões por ao menos 60 dias, período válido a partir do recebimento da última parcela do empréstimo. Veja alguns bancos que participam:

  • Banco do Brasil;
  • Caixa Econômica Federal;
  • Itaú Unibanco;
  • Badesul;
  • Banco da Amazônia (BASA);
  • Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG);
  • Bradesco;
  • Santander
  • Banco do Nordeste (BNB);
  • Bancoob (Sicoob);
  • Sistema de Crédito Cooperativo (Sicredi).

A solicitação dos valores deve ser realizada diretamente em uma das instituições financeiras participantes, fique atento aos prazos, já que o limite para o pedido é novembro.

Pronampe pela Caixa

O GiroCAIXA PRONAMPE é uma linha de crédito oferecida pela Caixa Econômica. O banco informa que a contratação do empréstimo depende de disponibilização de recursos voltados para o programa. Você pode fazer a solicitação pela internet, veja o passo a passo:

  • Acesse o site da Caixa;
  • Clique no botão “Tenho interesse”, que fica no canto inferior esquerdo;
  • Preencha as informações necessárias sobre a sua empresa.

É só você fazer isso e a Caixa irá avaliar as informações fornecidas. O banco informa ainda que os interessados devem ler o Comunicado Eletrônico disponibilizado pela Receita Federal. A Caixa entrara em contato caso a sua empresa esteja apta a receber os recursos.

A Caixa oferece dois simuladores, para que você possa entender quais as condições do empréstimo no seu caso. Por isso, se a sua empresa ainda possui menos de 12 meses de funcionamento ou mais de 12 meses, é só clicar nestes links.

Pronampe Banco do Brasil

Embora o Pronampe siga até novembro de 2020, neste momento novas contratações estão suspensas no Banco do Brasil. Acontece que a instituição financeira mais tradicional de nosso país já atingiu o limite para esta linha de crédito. Mas, você pode acessar a página BB Empresa, para descobrir se há alguma outra solução para o seu negócio.

O Banco do Brasil atendeu 30.782 empresas, que tomaram empréstimos em uma média de R$ 57.800. O Banco do Brasil liberou R$ 6,8 bilhões para pequenas empresas. Aliás, foram nada menos do que R$ 1,8 bilhão solicitados apenas nas 3 primeiras horas de atendimento.

Pronampe Santander

Santander é um grupo europeu, considerado um dos maiores bancos da Zona do Euro e que possui atuação no Brasil. Por aqui, a instituição financeira está participando do Pronampe Empréstimo. Veja o que a sua empresa precisa para ser elegível:

  • Possuir análise de crédito aprovada junto ao banco;
  • Estar em dia ou com atraso no Santander de até 15 dias;
  • Não possuir condenação relacionada a trabalho em condições análogas às de escravo ou a trabalho infantil
  • Ter acesso ao Internet Banking Empresarial, com o ID Santander ativo, que permitiria a validação de transações digitais.

O Banco Santander informa que a taxa de juros é pós-fixada anual máxima igual à Selic, com acréscimo de 1,25% ao ano.

O Banco Santander não participou da primeira fase do Pronampe Empréstimo, mas quando liberou o crédito, nas primeiras 24 horas foram solicitados R$ 1,3 bilhão. A cota prevista inicialmente foi liberada apenas no primeiro dia de operação.

Pronampe Itaú Unibanco

O Banco Itaú está participando do Pronampe e é um dos poucos grandes bancos ainda com quantia disponível. Eles colocaram alguns requisitos na liberação do crédito:

  • Empréstimo de no máximo R$ 100 mil por empresa;
  • Os recursos servem para capital de giro;
  • Os valores não podem ser usados para a distribuição de lucros e dividendos;
  • É necessário apresentar garantias pessoais para ter acesso ao empréstimo.

Porém, talvez quando você ler esse texto as reservas já tenham acabado. É importante ser veloz na busca pelo empréstimo, já que empresas dos mais variados setores estão atrás destes recursos.